Termos e Definições

Termos e definições relacionadas ao processo de software.

Backlog

Backlog refere-se a uma lista de tarefas ou atividades não iniciadas, que estejam na fila para serem executadas em algum momento oportuno.

Backlog da iteração

É um subconjunto do backlog do release, priorizado na reunião de planejamento da iteração pelos clientes e dono do produto e que representa os itens que serão desenvolvidos em uma determinada iteração.

Backlog de Suporte e Sustentação

Última revisão: 28/09/2021

O backlog de Suporte e Sustentação apresenta a lista de tarefas relativas às atividades de Suporte e Sustentação. Neste filtro são listadas apenas as tarefas com situação igual a “Para fazer” ou “Para Testar”, sem atribuição, com data prevista preenchida, com tempo estimado definido, pertencentes aos projetos redmine de “Suporte e Sustentação” e cujo o campo  "Backlog Infra ou BD" esteja configurado para “Sim” para o backlog de Infraestrutura e Banco de dados, ou “Não” para os demais backlogs.

A ordem de exibição das tarefas no backlog é definida pelos seguintes campos, na ordem em que são apresentados:

  1. Prioridade: Ordenação descendente a partir dos seguintes valores, do menor para o maior: Baixa, Normal, Alta, Urgente e Imediata.
  2. Tempo estimado: Ordenação ascendente.
  3. Data prevista: Ordenação ascendente.

A relação de filtros do redmine para os backlogs existentes são listados abaixo:


Os filtros podem ainda ser acessados a partir da seguinte URL: https://docs.google.com/document/u/2/d/e/2PACX-1vSo-6H-ut2e-21B9-zhZs7uquKUJOqruB1s6rAE1X0TcAR-4rWLfOzRxXriqAqnFDEv8p1Q1SWnWVH4/pub

Backlog do Produto

É uma lista ordenada de tudo que deve ser necessário no produto, e é uma origem única dos requisitos para qualquer mudança a ser feita no produto. Desdobra objetivos de negócio e características-chave do produto em requisitos de software (funcionais e não funcionais) e tarefas técnicas importantes para a construção do produto. Em suma, o backlog deve listar todas as características, funções, requisitos, melhorias e correções que formam as mudanças que devem ser feitas no produto.

Backlog do Release

É um subconjunto do backlog do produto, priorizado na etapa de planejamento do Release e que representa os itens que serão desenvolvidos em um determinado Release.

Característica-chave do produto

É o serviço ou macro-funcionalidade que agrega valor ao negócio do cliente, dispensando uma descrição mais detalhada. As características-chaves, ou macrofunções, são atributos de valor ou serviços providos pela solução, derivados dos objetivos de negócio, para satisfazer necessidades de negócio dos clientes, em outros termos, são os aspectos mais relevantes do produto de software que o cliente valorizará com mais facilidade. Podem ser funcionalidades de negócio, performance, segurança, escalabilidade, etc.. As necessidades e expectativas do cliente, relacionadas aos objetivos de negócio, deverão ser utilizadas para definir o conjunto de características-chaves do produto final e deverão estar fortemente alinhadas.

Categorias dos projetos

Categorias dos projetos, de acordo com sugestões da Metodologia de Gerenciamento de Portfólio de Projetos do SISP.

 

Desenvolvimento de Software

Conjunto de atividades a serem executadas pela Área de TIC (unidade organizacional responsável por desempenhar as atividades relativas à Gestão de TIC no âmbito da UFLA) com a finalidade de atender às necessidades organizacionais que requeiram a alteração de um software institucional preexistente ou implementação de um novo software. Tem como resultado final a alteração ou criação de um software, incluídos seus artefatos vinculados (por exemplo, a documentação de software). O Desenvolvimento de Software deve estar em conformidade com a metodologia de desenvolvimento a ser estabelecida pela Área de TIC, sendo aplicados em especial os procedimentos necessários à garantia da qualidade do artefato de software.

Desenvolvimento Incremental

Em um contexto ágil, o desenvolvimento incremental significa que cada versão sucessiva do produto é utilizável, e cada nova versão baseia-se na versão anterior, adicionando funcionalidades visíveis ao usuário. Este tipo de desenvolvimento resulta nos chamados incrementos "verticais", em oposição à estratégia tradicional que entrega componentes técnicos completos, sucessivamente: por exemplo, criar um esquema de banco de dados e, em seguida, construir regras de negócios em cima disso e, apenas em seguida, implementar os componentes de interface do usuário. Veja mais detalhes em: https://www.agilealliance.org/glossary/incremental-development/.

Desenvolvimento Iterativo

O desenvolvimento iterativo é uma abordagem de desenvolvimento de software que divide o processo de desenvolvimento de um produto em partes menores. Cada parte, denominada iteração, representa todo o processo de desenvolvimento, contendo as etapas de planejamento, design, desenvolvimento, teste e validação. Veja mais detalhes em: https://www.agilealliance.org/glossary/iterative-development.

Documento de Visão do Produto

O documento de visão define o escopo de alto nível e o propósito de um projeto. Uma definição clara do problema, solução proposta e os recursos de alto nível do produto ajudam a estabelecer expectativas e a reduzir riscos. Este documento deve conter as informações identificadas durante o entendimento da demanda, tais como objetivos de negócio, características-chaves do produto, aspectos tecnológicos e riscos, utilizados para orientar o desenvolvimento do produto de software.

O modelo para elaboração da visão do produto, contendo as instruções para a sua elaboração, pode ser acessado a partir do seguinte endereço: https://docs.google.com/document/d/1V6NJvMBTzAyTswA2xc8xtXGu_g5yryewVAm7GtzL2rw/edit?usp=sharing

Implantação de Software

Conjunto de atividades a serem executadas com a finalidade de atender às necessidades organizacionais que requeiram a implantação de um software de terceiro (cedido ou repassado à instituição, adquirido por meio de contratação ou obtido por outros meios).

Incidente

Qualquer evento que não seja parte da operação programada para um serviço de TIC e que cause, ou possa causar, uma interrupção não planejada ou redução na qualidade do serviço. São exemplos de incidentes: sistema indisponível; sistema disponível mas com erro de funcionamento; exclusão indevida de dados pelo usuário; etc.

Integração Contínua

Integração Contínua é uma prática de desenvolvimento de software que visa tornar a integração de código mais eficiente, através de builds e testes automatizados. É responsável pela coleta e empacotamento dos diversos componentes integrantes da aplicação, assim como a sua disponibilização em ambiente previamente determinado. As equipes utilizam-na para integrar rapidamente as suas implementações em uma versão ou incremento de software.

Objetivos do negócio

São os objetivos que o cliente almeja alcançar em um determinado período de tempo. Os objetivos do negócio devem estar sempre no foco do projeto (agregação de valor para o cliente), pois são a chave para tomar boas decisões sobre custo, escopo e prazos. Os objetivos de negócio devem atender simultaneamente a seis critérios:

Processo de Desenvolvimento de Software

Fluxo de atividades pertencentes ao conceito de Desenvolvimento de Software, instaurado após a elaboração e aprovação de um Projeto de Desenvolvimento de Software.

Processo de Implantação de Software

Fluxo de atividades pertencentes ao conceito de Implantação de Software, instaurado após a elaboração e aprovação de um Projeto de Implantação de Software.

Processo de Sustentação de Software

Fluxo contínuo de atividades pertencentes ao conceito de Sustentação de Software, sem a necessidade de um Projeto de Software.

Projeto de Software

Esforço temporário de Desenvolvimento ou Implantação de Software, correspondendo a um Projeto de Desenvolvimento de Software ou um Projeto de Implantação de Software, respectivamente.  Um Projeto de Software tem prazo de término definido e deve resultar em um produto final. Envolve o planejamento dos recursos necessários para que o software tenha o ambiente necessário para o seu funcionamento.

Requisição

Solicitação formal de um serviço de Desenvolvimento, Sustentação ou Implantação de Software, como, por exemplo: criação de nova funcionalidade em sistema existente; alteração do cabeçalho de um relatório; fornecimento de dados; solicitar apoio técnico para implantação de novo software de terceiro, etc.

Suporte e Sustentação

Entende-se por Suporte e Sustentação atividades de manutenções evolutivas e corretivas, não relacionadas a Projetos de Software. Entram nessa categoria a realização de qualquer tipo de suporte técnico, execução de scripts para correção de erros operacionais, extração pontual de dados, análise de logs, etc, bem como a execução de atividades de Sustentação de Software.

Sustentação de Software

Conjunto de atividades de Desenvolvimento de Software necessárias para a manutenção da disponibilidade, integridade, estabilidade e desempenho do software em produção, dentro de um nível de acordo de serviço estabelecido pelo órgão. São ainda categorizadas como Sustentação de Software as atividades de Desenvolvimento de Software necessárias para a realização de manutenções evolutivas pontuais (cosméticas, adaptativas e perfectivas) de pequeno porte e baixo impacto, que não justifiquem o atendimento por meio de um novo Projeto de Software.

Termo de Abertura do Projeto

O Termo de Abertura do Projeto é o documento que formaliza o inicio do projeto, ou seja, que formaliza a aprovação para o início das atividades necessárias para o seu atendimento.

O modelo para elaboração do Termo de Abertura do Projeto pode ser acessado a partir do seguinte endereço: https://docs.google.com/document/d/1VBr-utvcdM7Q_6l67_pbKBrP6sD_3Phdv9CtmvnNtY4/edit?usp=sharing

Estágios do Projeto Durante a Fase de Execução

Durante a fase de execução, um projeto poderá estar em um dos seguintes estágios:

Roadmap

roadmap consiste em um registro cronológico com o planejamento de liberação de versões (Releases) do produto de software.  Deve prover uma visão global das necessidades do produto (objetivos de negócio e características-chaves associadas), sendo uma ferramenta valiosa para o planejamento, acompanhamento e organização da jornada de desenvolvimento do produto.